domingo, 7 de novembro de 2010

O Misterioso Triângulo das Bermudas


clip_image002
Devido às vastas especulações e mistérios em torno deste tema, o Estranho Curioso achou que chegou o momento do TRIÂNGULO DAS BERMUDAS ganhar um post.
Sabemos que há relatos sobre desaparecimentos de aviões, navios e barcos no chamado "Triângulo das Bermudas", ou "Triângulo do demônio", ou "Triângulo da morte". Esta área está localizada entre as Ilhas Bermudas, Porto Rico, Fort Lauderdale (Flórida) e as Bahamas situada no oceano Atlântico. Sua dimensão é de aproximadamente 1,1 milhões de Km2, mas que pode variar para mais ou para menos devidos à fatores Físicos, Químicos, Climáticos,Geofísicos nesta área.
Incontáveis acidentes há foram registrados pela guarda costeira, não apenas barcos, aeronaves também, centenas delas desde 1945. Estima-se que 120 desastres por ano acontecem ali. Algumas embarcações nunca foram encontradas, e as que foram localizadas estavam sem nenhum sobrevivente ou corpo. Alguns navios cargueiros imensos, também sumiram e foram encontrados com a carga intacta, porém sem sua tripulação.
O curioso é que antes de desaparecerem, coisas estranhas acontecem, tais como: as bússolas giram sem parar, o céu fica nublado de repente num dia límpido e as mensagens que chegam à central de comando são distorcidas e com dificuldades de compreensão. As explicações obtidas destes acontecimentos são: abdução por OVNS (disco voadores ou marinhos), campo eletromagnéticos que atraíram os navios e os aviões selando-os numa tumba marítima, redemoinhos em alto-mar engolindo-os, buracos nos céus levando-os à outra dimensão, lapsos no tempo enviando-os para outras eras temporais, explosões no céu ou no mar (bolas de fogo) destruindo-os e reduzindo os destroços ao pó sem deixar vestígios, e de alguma forma bizarra e misteriosa, que estas aeronaves e embarcações tenham sido atraídos e para a perdida cidade de Atlanta, onde estão até hoje. Outra explicação bem improvável é a existência de um "Celacanto”, um peixe azulado pré-histórico, com 4 pernas residuais que traga as embarções e que já foi flagrado vivo em 1938 no Oceano Índico. Por outro lado os céticos levantam teorias mais próximas da realidade como: falhas humanas, furacões, ondas gigantes e problemas de variações nas bússolas.
É certo que vários aviões e navios passaram por estes mares que formam o Triângulo das Bermudas e nada acontece de anormal, visitantes navegam por estas águas quase todos os dias e nenhum incidente ocorre, porém não inibem os números de desaparecidos desta área.
clip_image004
O Vôo 19
Entre os desaparecimentos de aviões, o mais estranho e grandioso, foi o vôo 19. Um grupo de 05 aeronaves pilotadas por comandantes de alto gabarito na aeronáutica, saíram de sua base no Forte Lauderdale na tarde de 05 de dezembro de 1945 e nunca mais foram vistos. Sobre o comando do Tenente Charles Taylor, eles estavam realizando um vôo de rotina, quando suas bússolas começaram à girar e eles perceberam que estavam perdidos. Com base no relatório da Torre, pelas coordenadas e contatos pelo rádio, eles estavam próximos à Torre, mas não foram vistos, e tinham combustível suficiente para muitas horas de vôo, mas mesmo assim eles nunca mais apareceram. O céu estava limpo com pequenas nuvens esparsas (esse tempo tranqüilo e de boa visibilidade é relatado na maioria dos desaparecimentos), as últimas palavras do Tenente Taylor foram: "- Estamos em águas brancas... Estamos completamente perdidos..."
Será que esses aviões foram sugados por um vórtice do tempo e levados para uma outra era ou dimensão? Ou foram abduzidos por OVNS, que confundiram as comunicações no rádio? O relatório foi aberto devido aos estranhos relatos e gravações da base, mas como nunca foram encontrados vestígios ou corpos desta tripulação, foi fechado. Uma curiosidade ainda maior foi um avião de busca mandado para resgate de possíveis sobreviventes, desaparecer após 20 minuto de sua decolagem, e também nunca mais ter sido encontrado.
Há aqueles que dizem que a tragédia do vôo 19, foi uma falha humana, mas eu pergunto como comandantes tão bem treinados num céu com boas condições de vôo e em sua rotina poderiam errar grosseiramente ao ponto de sumirem. E não apenas uma aeronave, mas todas as cinco.
clip_image006

Embarcações
Entre as embarcações que se perderam no Triângulo das Bermudas, a mais conhecida é a francesa Rosalie, que em 1840 tinha como destino Havana - Cuba. Rosalie não desapareceu, mas seus tripulantes nunca foram encontrados. Este navio comercial foi encontrado à deriva com suas velas içadas e sua carga intacta. As hipóteses levantadas par o caso da embarcação Rosalie e outros navios fantasma localizados sem tripulantes são: poderiam ter matado o capitão e com medo da violência a tripulação teria abandonado o navio; ou que a carga poderia ser inflamável e tenha ocasionado pânico nas pessoas, as quais saltaram para o mar. Será? Ou tudo é um grande mistério e nossa vã filosofia só avistou a ponta do iceberg enigmático?
Mais adiante a Regata inglesa H.M.S. Atalanta em janeiro de 1880 saiu das Bermudas com destino à Inglaterra, porém ela perdeu-se na área do Triângulo da Morte com seus 290 tripulantes e nunca mais foi vista. Inúmeras buscas navais foram realizadas na área, mas sem sucesso. Desapareceram sem deixar nenhum vestígio.
clip_image008
Criou-se uma teoria, provada cientificamente em menores proporções, com cientistas que realizaram nas praias do Triângulo uma simulação, na qual bolhas de gás metano (que de fato existem no fundo destas águas em imensas proporções) foram colocadas nas águas através de dutos, criando um redemoinho, e na tentativa realizada com um barco simulando uma carga, foi tragado por este redemoinho. Portanto o desaparecimento do Atalanta dentre outros pode ser explicada por este fenômeno. Tal experiência foi documentada pela Discovery Channel em 2007.
Eis os 10 mistérios mais intrigantes que ocorreram no Triângulo das Bermudas, com base no livro de Charles Berlitz - O Triângulo das Bermudas:

Aeronaves
  1. 05/12/1945 - Cinco bombardeiros Avengers da Marinha dos EUA.
  2. 05/12/1945 - Um bombardeiro Martin PBM com 13 homens desapareceram após 20 minuto sem busca dos Avengers.
  3. 1947 - Um C-54 do exercíto dos EUA, desapareceu.
  4. 29/01/1948 - Star Tiger, um quadrimotor Tudor IV, perdeu-se com 31 passageiros e tripulantes
  5. 29/12/1948 - Um DC-3 com 32 passageiros mais sua tripulação, desaparecidos.
Embarcações
  1. 1840 - Rosalie, embarcação francesa encontrada comas velas içadas, a carga intacta, porém sem sua tripulação
  2. 02/10/1880 - A fragata inglesa: Atalanta desapareceu nas proximidades das Bermudas com 290 pessoas
  3. 03/10/1902 - Freya, barca alemã foi encontrada em Cuba com a âncora pendurada na proa, mastros quebrados e na cabina do comandante um calendário marcando dia 4, dia seguinte ao embarque e mais uma vez sem sua tripulação.
  4. 04/03/1918 - O U.S.S. Cyclops, um navio de suprimentos da Marinha Americana desapareceu sem deixar vestígios
  5. 1925 - S.S. Cotopaxi desapareceu com destino à Havana.
 
Enfim, todos estes relatos e gravações deixam a dúvida no ar, sobre o que realmente aconteceu à essas pessoas desaparecidas ou a estas aeronaves e embarcações que jamais foram vistas depois que entraram no Triângulo das Bermudas. Sejam céticos ou não, o que pode-se dizer é que acontecimentos misteriosos e absurdamente bizarros acontecem naquelas águas sinistras, nos deixando intrigados com relação ao mar que à milhares de tempos esconde seus segredos no mais profundo abismo negro.

Danielly Wanessa

 




Gostaria de agradecer a Danielly por ter ajudado o blog, e me presenteado com esse post!! Thanks so much!



FONTES:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Tri%C3%A2ngulo_das_Bermudas
Livro "O Triângulo das Bermudas" de Charles Berlitz
Vídeo Discovery channel - "Mergulho no Triângulo das Bermudas"

10 comentários:

Luiz disse...

Vocês acham que o fenômeno teve um início e um fim, pois começou de repente e já não acontece nos dias de hoje?

Marcio-SJP disse...

O Luis falou bem!
Mudaram-se as rotas? ou o efeito se encerrou?

dany disse...

O efeito continua, mais com pouquíssima frequência, mas não desapareceu completamente, ainda estranhos desaparecimentos acontecem no Triângulo. Algumas rotas não podem ser mudadas, por tanto aviões e embarcações passam ou ficam por lá.

Wolly disse...

cara, eu curti muito seus post! vc sempre dar uma passada aqui para ler-lo.. são assuntos que me interessam bastante.

http://www.check-matte.blogspot.com/

Anônimo disse...

Estimada Dreika,

Venho propor-lhe que faça um post sobre o Triângulo do Dragão no mar do Japão. Existe um documentário do Canal História muito bom. Os eventos lá ocorridos são muito mais misteriosos e em muito maior numero. Factos que chegaram a afectar navios cienticos do governo japonês. Veja por favor e coloque um post sobre este Triângulo. Continue o seu óptimo trabalho. Ficarei à espera.

Bem Hajam a todos,
Renato
(DE PORTUGAL COM AMOR)

Anônimo disse...

Existem relatos medievais de desaparecimentos e outras coisas estranhas nessa área.

Há quem diga que o triangulo das bermudas é a ponta de uma merkabah defeituoso, um tipo de veículo interdimensional, cuja maior parte encontra-se no mar, mas uma ponta dele se projeta para fora, criando assim o triangulo.

Ah, e nós não podemos ver o tal veículo porque, bem, é interdimensional.

Breno Rodrigues disse...

Dany, gostei muito do post. Esses mistérios sempre me chamam a atenção e fico vidrado quando me deparo com algum vídeo ou texto sobre esses assuntos. Já leu esse livro? É realmente bom? Fiquei interessado. rsrs

Bjoos

Livretando

Ary Styles disse...

pre ouvi falar no triangulo das bermudas, sempre ouvi que coisas estranhas aconteciam lá. Mas ainda há esse mistério não resolvido....

Adorei a postagem...

Fenris Z disse...

Foi uma das melhores postagens que eu ja li. e olha que eu ja vi, li e vivi várias coisas sobre o assunto, é que eu moro em colares, lembra? caso de 1977, claro, eu não sou tão velho assim é que eu adoro esses mistérios da humanidade, inclusive tô baixando esse livro que fala sobre o triângulo das bermudas que você comentou e depois vou começar a lê-lo. valew mesmo! apropósito cê tem namorado?

Dany palavras disse...

Ola Fenris
Obrigada.
Não conheço esse caso de 1977, mas já que você mencionou vou conferi.
Eu não li o livro todo, mas li bastante partes interessantes, o que aconteceu com esse livro, foi o de sempre emprestei, a pessoa se mudou e levou o livro embora, que pena.
E à propósito não tenho namorado. rsrsrsr

Obrigada pelo comentário.
Dany

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Tuítes Apocalípticos do Porque2012