sexta-feira, 25 de junho de 2010

DROPS: Craig Venter o homem que imitou Deus e criou vida

Com certeza essa é uma notícia chamativa. Tem cara de reportagem de capa de todos os jornais e revistas do mundo! Mas por quê só saiu numa manchetezinha pequena lá em cima da capa da revista ÉPOCA de 24 de Maio de 2010? Já imaginei que teria alguma coisa fantasiosa pelo meio para que a ÉPOCA e outras revistas não tivessem colocado essa matéria como reportagem de capa. Dito e feito. Acompanhem o resumo da reportagem e tirem suas próprias conclusões a respeito da veracidade desta manchete.
Deus criou o homem no sexto dia e no sétimo descansou, lê-se no Livro do Gênesis. Foi também numa sexta-feira, 26 de março, que uma equipe de geneticistas do Instituto J. Craig Venter, nos Estados Unidos, substituiu o DNA de uma bactéria por outro, artificial. Segundo anúncio feito na semana passada, junto com a publicação do estudo na revista Science, eles conquistaram um atributo exclusivo dos deuses: o dom de fabricar vida. ÉPOCA 24/05/10

Me corrijam se eu estiver errada, mas trocar o DNA de uma mísera bactéria (uma das mais simples) e ela simplesmente não morrer, definitivamente não é o mesmo que criar vida. Certo? Venter pegou uma bactéria chamada Mycoplasma mycoldes - cujo DNA é extremamente simples, retirou seu material genético, pegou esse material e enxertou material sintético, depois recolocou na bactéria inicial e ela não morreu. Viva! Criaram vida. Sério?! Se numa receita de bolo eu troco leite integral por leite desnatado e o bolo não desanda, significa que eu criei uma nova receita?! Não! Continuei fazendo bolo, só troquei seis por meia dúzia. Acho que uma manchete de bom tamanho seria: ele interferiu na vida. E vida bacteriana, simplíssima. Quem sabe isso seja um grande passo para futuras pesquisas genéticas, mas dizer que se criou vida eu acho um exagero. A própria revista admite esse excesso, quando o professor Sérgio Danilo Pena da UFMG fala: 

Quando Venter dá a impressão de ter criado vida sintética, ele erra. A vida surgiu no planeta uma única vez, há 4 bilhões de anos, e desde então vem evoluindo e se diversificando. O que Venter fez foi modificar o genoma, o programa que controla a vida. Ele não criou vida. Simplesmente assumiu o controle dela – o que é um feito maravilhoso.”  ÉPOCA 24/05/10

Viva, uma faísca de sobriedade! Um outro exemplo maravilhoso que a revista dá, porém muito timidamente, é a fertilização in vitro: esta técnica é o mesmo que criar vida? Lógico que não. Da mesma forma ocorreu com essa descoberta controversa do caro doutor Craig Venter, que no mínimo sofre da velha síndrome de querer ser Deus. Interferir minimamente, numa bactéria bilhões de vezes mais simples que um ser humano, e ela simplesmente não morrer, NÃO É CRIAR VIDA! Aproveito para inflamar mais e dizer: querer criar vida a partir de outra, é definitivamente mais fácil do que cria-la a partir do barro, não? Tsc, tsc, tsc... Benchmarking é para os fracos! E tenho dito!

Para a reportagem completa da revista Época (24/05/10) Clique AQUI.


Aldrêycka Albuquerque

13 comentários:

Anônimo disse...

nooooosaaa D+ o ponto de vsta do nosso(a) bloggeiro(a)

haha o cara removeu de um ser unicelularmente simples

colocou as mesmas informação (só que sintéticas)

devolveu pro núcleo e abriram a boca pra dizer

ÓOOOO ELE CRIOU VIDA!! ¬¬ (WHT)

Se ele ao menos tivese CRIADO a bactéria aí sim eu daria a ele um cargo decente de HEREGE

Rebeca /RJ

felipe koziel disse...

agora imagine em escalas maiores,
tipo, futuramente,
com a capacidade de trocar o DNA de corpos?
armazena-se o DNA humano,
e o incorpora em máquinas semelhante ao corpo humano?
antes de correr voce precisa andar.

Jnaína disse...

Dizendo que ele apenas subistituiu o material parece coisa dita por alguém que busca ignorar a ciência... O cara merece toda uma repercussão sim... vou até usar o seu proprio exemplo do bolo, Ele subistituiu leite integral por leite desnatado certo?, a diferença que pra fazer seu "bolo" o seu leite veio da vaca (não interessa se é desnatado ou integral), e o 'leite' do venter veio do laboratorio dele, absolutamente artificial, sintético, um DNA criado por um ser humano, a base primordial para vida feita em um laboratório, somente tolos não percebem o grande passo que demos com essa descoberta, diferentemente dos 7 dias de gênesis, caminhamos um pouco mais lento, Eles estão começando as pesquisas substituindo o dna de uma mísera bactéria como vc disse, mas este é apenas o primeiro passo.

Eu acho que seria mais correto dizer que o que venter fez, foi: substituir leite animal por leite em pó e mesmo assim dar o mesmo sabor ao bolo!!
Apesar de ser um exemplo completamente mesquinho e simplicista.

Well disse...

Concordo com a Jnaína,e acho que a noticia parece estar mal formulada, pois eles não fizeram uma simples transferência de DNA, eles criaram um DNA no laboratório com as combinações genéticas que eles queriam, e implantaram na tal bactéria lá, que como vocês disseram era simples mesmo, mas eles conseguiram fazer a tão bactéria realizar as funções que eles queria. Então eu encaro o fato como uma evolução na ciência e respeito a opinião do outros, a partir do momento que os fato seja mostrados totalmente. Mas também mesmo com essa evolução não considero e também não acho digno uma pessoal falar que conseguiu criar a vida, quando na verdade ela mudou uma coisa que já era existente.

Anônimo disse...

Jnaína rules!!!!

... disse...

Pelo que parece a notícia inicial que faz a comparação só foi mal escrita , que acabando dando um impressão errada , como ele mesmo diz ele apenas conseguiu sintetizar pela primeira vez vida artificial. Ele não esta criando vida , ele só esta tendo controle sobre ela , de certa forma.
Simplesmente somos seres vivos com “inteligência” que manipulamos a vida de certa forma , e cada vez de modo mais profundo.

Drêycka disse...

Bons contra-argumentos.
Aproveito para reiterar que não ter criado vida é um fato (e o motivo da minha revolta foi terem falado que tinham criado), mas que é um grande avanço científico o que fizeram, isso é inquestionável.

; )
Aldreycka Albuquerque

Anônimo disse...

Drêycka acho bom que seja inquestionável mesmo!

Curioso disse...

E ai garota? adorei a opção da galera mandar suas experiências extra terrestres.

Sei que vc gosta de falar de civilizações antigas, passa lá no CURIOSO que tem uma boa pra vc...

Curioso disse...

Ei menina, vc vai longe hein? tenho uma pra te deixar CURIOSA,

" Onde há uma empresa de sucesso, Alguem tomou alguma vez uma decisão valente."

Lá no CURIOSO tem mais, blz?

CURIOOOOOSA...

Piradoido disse...

esse e um grande avanço pq ja pensaram em que eles podem fazer, por exemplo eles pode programar o dna de uma bacteria para atakr outras bacterias infecsiosas ao corpo humano combatendo infecçoes quem sabe curar doenças incuraveis hj. muito bom

Anônimo disse...

A matéria física é apenas um veículo para a Vida Eterna do Ser que nela habita por um certo limite de tempo, durante uma experimentação física evolutiva da cosnciência. Criar um corpo de matéria física não é o mesmo que criar a Vida, a Vida vem de outra dimensão diferente da dimensão física, a Vida é eterna, a matéria apenas um veículo temporário desta. O único capaz de criar seres é o Criador Primordial do Universo. Nós somos apenas capazes de produzir veículos físicos, para a evolução dos seres de nossa mesma espécie, a humanidade. Quanto a manipular bactérias ou outras formações biológicas na natureza, é a mesma coisa, por que dentro de cada manifestação física biológica há um ser, uma consciência de vida eterna experimentando as condições de sua própria existencia, todos os seres e tudo o que há tem Vida e é eterno, apenas evolui e se transforma em Ser cada vez mais aprimorado. As consciências individuais evoluem desde o padrão de consciência subatômico, dos atomos, às moléculas, aos minerais, aos vegetais, aos animais, aos humanos e à sequência ainda imperceptível que segue os desíguinios de Deus o Criador Primordial para com todos e tudo o que há no Universo. E o objetivo de tudo isto é que todos os seres unidos ao fim da evolução sejam capazes de produzir a completa Harmonia Condicional vinda da compreensão de Deus espelhando Amor Incondicional em todas as áreas dimensionais existenciais, um Universo sem nehum vestígio de caos. Em completa Harmonia por parte de todos.

Página do Profeta disse...

Fantástico seu comentário. A vontade do homem em ser D'us os faz de meros manipuladores a "criadores". Quando criarem uma célula, aí sim será aplausível. Enquanto isso, vamos fingir que eles estão criando alguma coisa e acreditar na matéria ínfima do pequeno jornalista com sua chamada apelativa para o criacionismo.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Tuítes Apocalípticos do Porque2012